Motoristas de transporte coletivo realizam parada de advertência em Petrolina (PE) e população é prejudicada por não ser avisada

A falta de pagamento da gratificação do acúmulo de função é um dos objetivos da paralisação dos motoristas de transporte coletivo nesta quinta-feira (11), em Petrolina (PE).

Os funcionários cruzaram os braços durante duas horas, tempo suficiente para deixar a população no  Prejuízo.

“O tanto de gente nos pontos de ônibus vão chegar atrasado nos seus trabalhos”, disse um leitor.

“Moro no bairro Henrique Leite e trabalho no João de Deus, não consegui pegar ônibus tive que pegar moto táxi”, relata mais um leitor.

Os trabalhadores afirmam que se caso seus direitos não forem atendidos, a classe fará um movimento de paralisação nesta sexta (12).  (Foto: Ivo da Hora).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

‘Fica muito difícil para o setor’, diz presidente da Associação de Bares e Restaurantes de Pernambuco sobre novo decreto de Paulo Câmara

Em vídeo divulgado no começo da tarde desta sexta-feira (26), o presidente da seccional Pe…