Morre Paulinha Abelha, cantora da banda Calcinha Preta

A cantora Paulinha Abelha morreu nesta quarta-feira (23), em Aracaju, onde estava internada em estado de coma desde o dia 11 de fevereiro. Aos 43 anos, a artista teve um quadro de insuficiência renal. Três dias depois, foi divulgada a informação de que ela estava em coma. Em nota da assessoria de comunicação do Hospital Primavera, o estabelecimento comunica que Paulinha faleceu às 19h26, em decorrência de um quadro de comprometimento multissistêmico.

Nas últimas 24 horas, apresentou importante agravamento de lesões neurológicas, constatadas em ressonância magnética, e associada a coma profundo. Foi então iniciado protocolo diagnóstico de morte encefálica, que confirmou hipótese após exames clínicos e complementar específicos.

Paulinha estava na escala de Glasgow 3, considerado mais grave do coma. Uma pessoa saudável tem a escala Glasgow 15. A escala analisa a gravidade da lesão craniana de um paciente. Quanto menor for a pontuação do paciente, mais grave é seu estado de saúde.

Os médicos ainda usaram o termo “síndrome tóxico-metabólica” para falar do caso, em uma suspeita de que alguma substância estava circulando pelo corpo dela, causando “uma cascata de inflamações ou lesões”. A equipe não conseguiu definir com precisão que substância estaria causando o problema. Paulinha usava alguns medicamentos, todos supervisionados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Petrolina (PE): Em resposta à cobrança de estudante, Guarda Civil Municipal diz que intensificará trabalho de segurança no entorno da Univasf

A Guarda Civil Municipal de Petrolina enviou uma nota em resposta à matéria publicada no b…