Morre aos 88 anos, o ator Milton Gonçalves

Morreu, nesta segunda-feira (30/5), o ator Milton Gonçalves aos 88 anos, no Rio de Janeiro. O ator faleceu, segundo informações dos familiares, às 12h30, em casa, por consequências de um acidente vascular cerebral (AVC) sofrido há quase dois anos.

Milton Gonçalves teve o AVC em fevereiro de 2020, quando participava de uma feijoada na quadra da escola de samba Salgueiro, na Tijuca (RJ). O ator passou três meses no hospital. Em janeiro deste ano, Catarina Gonçalves, filha do ator, contou ao jornal O Globo que ele fazia sessões diárias de fisioterapia e fonoaudiologia.

“Meu pai passou três meses no hospital, traqueostomizado o tempo todo. Isso afetou bastante a voz, que está bem baixinha. Agora ele está bem, em casa, tranquilo. É uma recuperação chatinha por causa da idade. Ele não tem andado, só na cadeira de rodas, porque também ficou com sequela na perna esquerda. Mas a gente passeia bastante com ele de carro, leva para ver a praia. Ele sempre pede para tomar uma cervejinha. Também adora café e doce. Essas besteirinhas que não pode comer. Mas é um danadinho”, disse ela.

Trajetória

Milton Gonçalves nasceu em 9 de dezembro de 1933, em Monte Santos, Minas Gerais. Ele fez mais de 40 novelas na Globo, além de atuar em programas humorísticos e minisséries de sucesso.

Se destacam trabalhos como Irmãos Coragem, A Grande Família, Escrava Isaura, Carga Pesada, Caso Verdade e mais.

“Tenho esperança e fé de que vou poder contribuir ética e culturalmente; tenho certeza que vou”, disse Milton Gonçalves ao projeto Memória Globo.

O último trabalho de Gonçalves na Globo foi O Tempo Não Para, em 2018, quando ele interpretou o catador de material reciclável Eliseu.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Conselho determina interdição ética do serviço de enfermagem do Hospital da Restauração em Recife (PE)

O Conselho Regional de Enfermagem de Pernambuco (Coren-PE) determinou, nesta quarta-feira …