Ministro da Justiça escolhe primeira mulher para chefiar superintendência da PRF no Distrito Federal

O ministro da Justiça e Segurança Pública, Ricardo Lewandowski, escolheu a primeira mulher para chefiar a Superintendência da Polícia Rodoviária Federal no Distrito Federal. A nomeação de Adriana Pivato foi publicada no Diário Oficial da segunda-feira (22).

Na PRF desde 2006, Pivato passou por diversas áreas dentro do órgão, entre os quais o Núcleo de Operações Especiais (NOE/MS), a Universidade Corporativa da PRF (UniPRF), além de ser chefe substituta do Núcleo de Educação Corporativa (NEC/CE).

Mais recentemente, ela gerenciou o Projeto Estratégico do Centro Nacional de Estudos em Segurança Viária, da Diretoria de Operações (DIOP).

Pivato, também primeira mulher a concluir o Curso de Operações de Controle de Distúrbios Civis (COCD) da PRF, formou-se instrutora da instituição em 2007, tendo ministrado e coordenado diversos cursos internos, entre eles as edições de 2020 e 2021 do Curso de Formação Policial.

“Após quase duas décadas de PRF, de segurança pública, me sinto honrada e desafiada com a função. Por toda a minha trajetória na PRF, como uma mulher que lutou para conquistar seu espaço na polícia, espero poder fazer uma boa gestão para o engrandecimento da PRF e o bem dos policiais”, diz Pivato.

Adriana Pivato assume o cargo em substituição a Igor Ramos, que estava no posto desde o início de 2023.

Fechado para comentários

Veja também

Petrolina (PE): AMMPLA segue recolhendo doações para atingidos pelas chuvas no Rio Grande do Sul

Cumprindo seu papel social, a Prefeitura de Petrolina, através da Autarquia Municipal de M…