Ministério Público adquire detectores de metal portáteis para reforçar segurança no interior de Pernambuco

O Ministério Público de Pernambuco (MPPE), através da Assessoria Ministerial de Assistência Militar e Policial Civil (AMPC), adquiriu 30 detectores de metal, do tipo bastão scanner, que estão sendo distribuídos em todas as sedes de circunscrição pelo interior do Estado e nos principais prédios do MPPE na Região Metropolitana do Recife.

O objetivo é reforçar, cada vez mais, a segurança institucional de integrantes e visitantes do MPPE. A utilização dos equipamentos será imediata, pois são de fácil manuseio. Há ainda a vantagem de serem portáteis e, assim, podem ser usados na busca por objetos de metal proibido em cada indivíduo, garantindo uma inspeção mais aprimorada.

“Serão utilizados pelos agentes de segurança e servirão como mais uma ferramenta de apoio no controle de acesso nas instalações da instituição”, afirmou o coordenador da AMPC, o Coronel RRPM Luiz Freitas. “A entrega desses novos equipamentos se soma a outras. Juntas, fazem parte do plano de gestão do procurador-geral de Justiça, Paulo Augusto Freitas”, lembrou o assistente militar.

Segundo Luiz Freitas, os detectores de metal se somam a outras aquisições que vêm sendo feitas para melhorar a segurança institucional. “Já adquirimos desfibriladores automáticos, oxímetros digitais, aferidores de pressão digital, coletes de proteção, leitores biométricos faciais, fechos eletromagnéticos, acionadores de emergência rearmável, nobreaks e outras ferramentas.”

“O nosso controle de acesso às unidades do MPPE fica mais seguro com todas essas aquisições, que fazem parte de um plano de ação amplo para a segurança institucional”, salientou o coordenador da AMPC. Segundo ele, até o final da semana, os 30 detectores estarão nas unidades a que se destinam.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Dormentes (PE): Mais de 50 mil pés de maconha são destruídos pela Polícia Civil 

Mais de 50 mil pés de maconha foram destruídos na região de Lagoas, Zona Rural, em Dorment…