Miguel Coelho lamenta morte de presidente da associação da PM e cobra dura investigação

Após tomar conhecimento do assassinato do presidente da Associação de Cabos e Soldados da Polícia Militar, Alberisson Carlos, o prefeito Miguel Coelho lamentou o bárbaro crime. “Primeiro, quero expressar meu profundo pesar pela morte de Alberisson. Tive a oportunidade de conhecê-lo e discutir sobre a questão da segurança de nosso estado. Nunca imaginei que perderíamos uma importante liderança dos policiais militares em uma bárbara morte, na porta da associação. Minha solidariedade aos amigos e familiares diante desse momento tão doloroso”, lamentou o prefeito.

Miguel ainda cobrou uma investigação minuciosa e firme do Governo do Estado. “É um crime assustador. A Secretaria de Defesa Social precisa dar uma resposta rápida a esse atentado. Estamos falando de um representante das forças policiais ser executado na porta da Associação de Cabos e Soldados. Não podemos deixar que um atentando como esse, que atinge também toda a instituição da Polícia Militar, fique impune”, acrescentou o prefeito.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

América Latina: Primeiro caso de varíola do macaco é confirmado na Argentina

O primeiro caso de varíola do macaco foi confirmado na América Latina na sexta-feira (27).…