Miguel Coelho assina contrato para mapeamento urbano de Petrolina (PE)

O prefeito Miguel Coelho autorizou o início das ações de mapeamento de todas as regiões da cidade. Na prática, o serviço permitirá, por meio georreferenciamento, fotografar e catalogar toda a área territorial do município. Com isso, será possível atualizar endereços para entregas postais em locais não registrados, identificar quais ruas ainda não estão pavimentadas, entre outras medidas, facilitando assim o planejamento e organização dos serviços públicos.

O trabalho será minucioso e utilizará tecnologia de ponta. Ao longo dos próximos meses, um avião, drones, carros e outros equipamentos farão o registro de cada ponto da cidade. Com essa estrutura serão mapeadas ruas, bairros, açudes, canais, rios, enfim, toda a infraestrutura urbana e recursos naturais de Petrolina.

Segundo o prefeito Miguel Coelho, o georreferenciamento terá um papel estratégico para corrigir problemas e aperfeiçoar a convivência na cidade e no campo. “Esse é um amplo diagnóstico de Petrolina. Com esses dados poderemos saber melhor onde estão as carências da cidade, onde ainda é necessário investir em infraestrutura, limpeza, drenagem, logística, saúde. Enfim, isso afeta diretamente todos os serviços da cidade. Por isso, é um trabalho fundamental para pensar Petrolina a curto, médio e longo prazos”, explicou.

As equipes de mapeamento já começam o trabalho em março. A expectativa é de que todo o mapeamento de Petrolina seja concluído num prazo de 12 meses.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Petrolina (PE) se destaca em um dos maiores eventos sobre cidades inteligentes da América Latina

A cidade de Petrolina, mais uma vez, se destacou pelas suas inovações tecnológicas voltada…