“Foi encontrado gaze, metais ou seja, esqueceram coisas dentro dela”. Este trecho faz parte de uma denúncia, de quase dois minutos, gravada por Maria Aparecida Feitosa, mãe de uma paciente identificada como Elneide Silveira que há cerca de cinco meses realizou um parto na Maternidade de Juazeiro (BA).

No relato a mãe explica que após a cesariana, Elneide voltou para casa e desde então começou a sentir fortes dores e muita febre. Entretanto, somente após realizar o exame, a paciente tomou ciência da gravidade do caso. “Criou um caroço, criou pus, está infeccionado, está muito grande porquê o médico esqueceu (gaze e metais) dentro dela e até agora ela não foi internada ainda para fazer a cirurgia” disparou.

Durante o vídeo, a denunciante apresenta ainda vários exames, inclusive um raio x que comprova a presença de um corpo estranho na região do útero de Elneide. A mãe relata que o prontuário de sua filha não existe mais e que na unidade de saúde ninguém sabe quem foi o médico responsável pelo parto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Máquina do tempo: “Uma viagem ao passado através da música”