Leitor Repórter: “São apenas dois ônibus escolares para atender dezenas de comunidades”, denuncia morador de Curaçá (BA)

De acordo com denúncia feita por um morador ao blog, os estudantes de Curaçá (BA) estão enfrentando dificuldades para se deslocarem até às escolas. O comunitário relatou que existem apenas dois ônibus para atender as comunidades e por muitas vezes, os alunos que moram nas fazendas, desistem de ir às aulas por causa da superlotação nos veículos.

“São apenas dois ônibus para atender dezenas de comunidades e muitos alunos que aguardam nas fazendas, voltam para casa quando o ônibus passa superlotado. Há três meses que as aulas iniciaram no município de Curaçá e metade dos alunos não podem ir à escola por falta de transporte”, disse.

Ainda segundo o morador, os estudantes estão desestimulados diante do problema. “A população está indignada e os estudantes desestimulados. Após dois anos sem aulas devido à pandemia da Covid-19, quando finalmente pensávamos que retornaríamos ao novo normal, estamos tendo nossos direitos usurpados pelas autoridades e pelo poder executivo municipal e estadual”, relatou o morador.

Entramos em contato com as secretarias de educação do município e do Estado para obter respostas sobre a denúncia.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

América Latina: Primeiro caso de varíola do macaco é confirmado na Argentina

O primeiro caso de varíola do macaco foi confirmado na América Latina na sexta-feira (27).…