Juazeiro sobe 45 posições em desenvolvimento na Bahia, revela Firjan

0

ferjan

De 2008 a 2013, o Índice Firjan de Desenvolvimento Municipal (IFDM), cuja edição mais recente foi divulgada na última semana, comprova o crescimento socioeconômico de Juazeiro. Nesse intervalo, saiu da 64ª (0,5060) para a 19ª posição (0.6642) dos mais bem avaliados na Bahia. O estudo é medido anualmente pelo Sistema Firjan e acompanha o desenvolvimento de todos os municípios do país em três áreas: emprego & renda, educação e saúde.

O IFDM varia de 0 (pior) a 1 (melhor) ponto e classifica o nível de cada município em quatro categorias: baixo (de 0 a 0,4), regular (0,4 a 0,6), moderado (de 0,6 a 0,8) e alto (0,8 a 1). “A cada ano melhoramos nossa pontuação. Em 2012 entramos no patamar de desenvolvimento moderado”, assinala o prefeito Isaac Carvalho. “Com o alto volume de investimentos e obras que Juazeiro recebe ultimamente, esse índice de desenvolvimento municipal seguirá subindo”, acredita o gestor.

Individualmente, a saúde de Juazeiro foi a área com desenvolvimento mais visível, conforme a Firjan. De categoria baixa em 2008 (com 0,3 ponto) saltou para moderada (0,6). “Tínhamos uma defasagem muito grande. Agora investimos muito mais na construção de unidades hospitalares e
contratação de profissionais”, explica o secretário da pasta, Dalmir Pedra.

A educação também avançou no IFDM (de, 0,51 – sete anos atrás – para 0,67 em 2013). “Esta edição ainda não computa investimentos dos dois anos seguintes. Nesse ínterim, climatizamos mais escolas, inauguramos mais creches. Recursos que alterarão positivamente nosso resultado nas próximas edições do IFDM”, frisa o secretário de Educação e Esportes, Clériston Andrade.

Ainda por categoria, emprego & renda permanece um dos setores de desenvolvimento mais fortes de Juazeiro, se consideramos as estatísticas públicas oficiais compiladas pelo Índice Firjan. “O emprego formal já é uma marca de Juazeiro. Fruto de políticas adotadas na gestão Isaac para atrair novas empresas para nossa cidade”, lembra o secretário de Desenvolvimento Econômico e Turismo, Carlos Neiva.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Sindicato dos Bancários de Juazeiro repudia Charge de Jornal que compara funcionários da Caixa Econômica com o bicho preguiça

O Sindicato dos Bancários de Juazeiro e região repudia a charge que foi divulgada pelo jor…