Juazeiro (BA): Em nota, APLB Sindicato informa aos trabalhadores em educação que o processo para municipalização de escolas foi suspenso

A APLB Sindicato de Juazeiro emitiu nota para informar a suspensão do processo de municipalização de quatro escolas da cidade. A entidade participou de reunião com representantes do Governo da Bahia pra discutir o assunto.

“A APLB Sindicato de Juazeiro informa que o processo de municipalização das quatro escolas que poderiam passar a ser de responsabilidade do município, foi suspenso. A decisão representa uma vitória para os trabalhadores da educação do Colégio Estadual Juthay Magalhães (Piranga), do Colégio Estadual Antonílio da França Cardoso (Dom José Rodrigues), do Colégio Estadual Cecílio Matos (Alagadiço) e do Colégio Estadual Rotary Clube (Alto do Cruzeiro).

De acordo com informações da APLB-Sindicato em Salvador, a entidade se mantém na luta em defesa das pautas relativas aos direitos da categoria. Uma reunião foi realizada de forma remota na terça-feira (11/01), com representantes do Governo do Estado para tratar de assuntos relativos à Educação.

Em texto publicado em seu site oficial, a APLB deixou claro que não concorda com a política de municipalização, “pois causará prejuízos para os trabalhadores e trabalhadoras que têm sua vida arrumada e que estão no período de férias”. De acordo com o coordenador Rui Oliveira, foi pedida a imediata revogação desses atos, principalmente nas cidades de Juazeiro, Vitória da Conquista e Porto Seguro, ou qualquer outra cidade que o estado queira fazer.

Após muita discussão, ficou deliberado que todos os processos de municipalização que estavam em curso serão suspensos. Qualquer outra tentativa neste sentido deve ser comunicada com antecedência nas escolas, para que juntamente com a APLB, devem acompanhar o processo.

“Esse resultado é mais uma vitória não só da APLB, mas da luta diária das entidades e dos trabalhadores em educação dessas escolas. É fruto da luta conjunta da APLB com a força da categoria e é importante nesse momento que todos que estão nessas unidades escolares tenham conhecimento dessa informação”, afirma o diretor da APLB Sindicato de Juazeiro, Gilmar Nery”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Petrolina (PE): Escorpiões invadem casas e preocupam moradores no Parque Mandacaru

Uma família que reside na rua Isaac Newton, no Parque Mandacaru, em Petrolina (PE), está p…