Indígena e aluno da UNEB que morava em Paulo Afonso (BA) é encontrado morto em barragem

Um indígena de 31 anos foi encontrado morto na frente de uma barragem situada na zona rural de Glória, no norte da Bahia.

A vítima foi identificada como Luanderson Gomes Bispo. Natural de Tacaratu, em Pernambuco. Ele era da etnia Pankararu e morava em Paulo Afonso, também no norte baiano, há apenas três meses.

De acordo com informações, o homem mudou de cidade para cursar pedagogia no campus da Universidade do Estado da Bahia (Uneb). A instituição emitiu nota de pesar.

Parentes disseram que Luanderson estava desaparecido desde o dia 25 de janeiro, quando saiu para a festa da padroeira da cidade de Glória, que fica a menos de 20 km de Paulo Afonso. Dias depois, a família registrou boletim de ocorrência e ele era procurado, desde então. Não foi detalhado se o homem estava sozinho ou acompanhado, quando foi visto pela última vez.

Luanderson foi encontrado morto por bombeiros e moradores, às margens do rio São Francisco, na barragem de Itaparica, na zona rural de Glória. O corpo apresentava estado avançado de decomposição e não foi possível identificar se havia sinais de violência.

Fechado para comentários

Veja também

Polícia prende suspeito de espancar até a morte torcedor do Santa Cruz em maio de 2023

A Polícia Civil de Pernambuco prendeu, nesta quinta-feira (29), mais um homem suspeito de …