Governo anuncia crédito emergencial para pequenas e médias empresas

Em parceria com o Banco Central, Ministério da Economia e BNDES, o Governo Federal anunciou nesta sexta-feira (27) o lançamento de um crédito emergencial para pequenas e médias empresas – que têm o faturamento entre 360 mil e 10 milhões por ano. O programa terá uma taxa de juros de 3,75% e deverá ser utilizado, exclusivamente, para a quitação das folhas de pagamento da empresa.

Com duração de dois meses, o programa receberá o aporte de R$ 40 bilhões. Desse montante, R$ 34 bilhões serão financiados pelo tesouro nacional e outros R$ 6 bilhões pela Febraban (Federação Brasileira de Bancos). A empresa terá 6 meses de carência e outros 36 meses, o equivalente a 3 anos, para realizar o pagamento do empréstimo.

O governo estima que cerca de 1,4 mil de empresas e 12,2 mil de pessoas serão beneficiadas. A empresa que aderir ao programa estará proibida de realizar demissões durante os dois meses vigentes. O empréstimo cairá diretamente na conta dos empregados e o valor máximo de recebimento por funcionário será de dois salários mínimos, o equivalente a R$ 2.090,00. (DP)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Juazeiro (BA) registra três óbitos e 59 novos casos da Covid-19 nesta terça (11)

De acordo com o levantamento, 14.011 moradores foram infectados desde o início da pandemia…