Governadores Paulo Câmara e Rui Costa assinam carta contra impeachment de Dilma

governadores

Os governadores dos noves estados do Nordeste, divulgaram no final da reunião desta sexta-feira a Carta Teresina, elaborada durante o encontro realizado no Hotel Gran Arrey, na zona Leste de Teresina, em que se manifestam contra o impeachment da presidente Dilma Rousseff e que seja garantido o Estado democrático de direito.

O governador do Maranhão, Flávio Dino, disse que o Fórum do Nordeste fará um debate politico em relação a crise aguda que vem impedindo a retomada do crescimento econômico e também uma posição politica em relação a crise econômica para garantir a continuidade dos serviços e políticas públicas e ao mesmo tempo levar ao debate decisões concretas.

“Nós colocamos na Carta, a nossa decisão bem clara de defesa de continuidade de mandato de continuidade do governo da presidente Dilma Rousseff. Nós temos todas as condições de sair dessa crise econômica que toma conta da economia brasileira, mas precisamos de uma repactuação que isole a política. Uma coisa é a polícia, Ministério Público, Poder Judiciário, outra coisa são as instituições que devem continuar trabalhando, por isso nós precisamos ter uma agenda política, positiva, que organize o povo e a sociedade para a direção correta e a premicia é essa de que não podemos continuar com a crise politica e inconstitucional, pois quem vai pagar o preço é o povo brasileiro, por isso a nossa posição é de que os governadores do Nordeste busquem outros governadores para impedir essa decisão”, declarou.

O governador de Alagoas, Renan Calheiros, disse que o documento assassinado entre os governadores do Nordeste vai representar uma posição politica sobre a continuidade do governo atual e tratar das dificuldades dos Estados e buscar alternativas para diminuir o deficit da previdência.

“Eu acho importante termos um posicionamento que defenda a democracia e ascensão do Brasil” disse,Renan Calheiros Filho (PMDB).

Também assinaram a carta, Wellington Dias (Piauí), Flávio Dino (Maranhão), Rui Costa (Bahia), Paulo Câmara (Pernambuco), Camilo Santana (Paraíba), Renan Calheiros (Alagoas), e os vice-governadores Robson Farias (Rio Grande do Nordeste), Belivaldo Chagas (Sergipe).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Prefeito de Cabrobó (PE) declara apoio à pré-candidatura de Marília Arraes para o Governo de Pernambuco

A noite da última quinta-feira (30) marcou mais uma importante adesão política ao grupo li…