Exclusivo: Entregadores do aplicativo ‘Pede Aí’ de Petrolina (PE) e Juazeiro (BA) paralisam atividades neste domingo (11) e segunda-feira (12)

0

Entregadores do aplicativo Pede Aí de Petrolina (PE) e Juazeiro (BA) farão uma manifestação pacífica neste domingo (11) e segunda-feira (12) contra condições precárias de trabalho de toda a categoria. Eles desligarão as chamadas por esse aplicativo por dois dias.

As principais demandas do chamado ‘Breque dos Apps’ são o aumento da taxa por quilometro percorrido, o aumento do valor mínimo por corrida e o fim de bloqueios sem justificativas, além do recente pedido por mais proteção e segurança por parte das empresas.

“Há um ano não teve reajuste nenhum na tarifa do aplicativo Pede Aí, por causa da pandemia tem muita empresa aumentando o preço e isso está afetando até no conserto de nossas motos, estamos exigindo a taxa mínima de cinco reais e os chamados bloqueios de 15 minutos, que não existe eles, os empresários sabem do que estamos falando, alguns sócios falaram que fariam uma reunião com a categoria, mas ficamos esperando e até agora nada, então vamos desligar o aplicativo Pede Ai por dois dias”, explicou Valter Carvalho, um dos representantes do movimento.

A taxa mínima atual é de R$ 4,00 pelo primeiro quilometro rodado, o segundo quilometro custa R$ 5,00, o terceiro R$ 6,00 reais, e assim sucessivamente. A categoria exige receber o mínimo de 1 km pelo valor de cinco reais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Juazeiro (BA): Morre vítima da covid-19 o empresário Flavio Luiz

Faleceu na noite desta sexta-feira(23), em Juazeiro (BA), o engenheiro civil, administrado…