Estudantes do ensino médio criam bioplástico da casca de manga em Pernambuco

0

Três estudantes da Escola Estadual Ministro Jarbas Passarinho Laura Araujo, no Recife, criaram um plástico biodegradável para ser utilizado também na impermeabilização das áreas de risco. O principal insumo utilizado no desenvolvimento é a casca da manga, fruta que é colhida em Pernambuco entre os meses de setembro e dezembro.

O protótipo foi apresentado pelos estudantes Laura Araujo, Lídia Souza e Luana Pereira, de 16 anos, e Luciano Carlos, 15, em março deste ano, na Feira Brasileira de Engenharia e Ciências (Febrace), realizado pela Universidade de São Paulo (USP). Lá, eles receberam a oferta de um empresário indiano para vender a ideia e a proposta de apresentar o trabalho na Tunísia, no continente africano. “Estamos estudando a melhor forma de proteger a autoria da criação. Como o trabalho foi apresentado em diversos lugares, não há como alguém roubar, mas precisamos patentear. O viés sempre foi o social, de criar um produto que seja aplicado para a sociedade, mas a ideia é dos alunos e a decisão do que fazer também é deles”, conta a professora-orientadora do projeto, Alessandra Martins. (FolhaPE)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Pedido de casamento em estação do metrô de Camaragibe (PE) é flagrado por câmeras

As imagens captadas na última quinta-feira (22)  mostra  o homem chegando à estação com um…