Encontro discute fortalecimento do feminismo na região

0

mulheres

Neste final de semana, o Centro Feminista realizou uma formação sobre o surgimento e referências de lutas feministas. Para facilitar a formação, o evento contou com a participação de Nalu Faria, da Sempre Viva Organização Feminista, SOF, e da Marcha Mundial das Mulheres, de São Paulo. 24 militantes participaram da formação no intuito de fortalecer a organização feminista na região.

Em dinâmicas de trabalho em grupos e muita leitura, os estudos foram desde o levantamento histórico do surgimento do feminismo: do iluminismo, passando pela revolução francesa e reforma protestante, razão, religião e revolução; a economia e a sociedade; a política a e moralidade. E em seguida, se aprofundaram nas leituras sobre mulheres referências feministas como Mary Wollstonecraft e Nísia Floresta, Flora Tristan, as socialistas Alexandra Kollontai e Clara Zétick, Louise Michel, e as mulheres invisibilizadas da luta anticolonialista da América Latina. O terceiro dia foi dedicado à Alexandra Kollontai com leitura e debate sobre a ‘Autobiografia de uma mulher emancipada”.

Nalu Faria, que é referência feminista no Brasil e na América Latina, explica que o acúmulo histórico e a união entre teoria e prática são essenciais para a organização política e para o feminismo rumo à uma sociedade mais justa.

“Conhecimento é uma coisa que ninguém pode tirar da gente. Essas formações são momentos muito enriquecedores pra gente. Nos fortalece para organizar as outras mulheres”. É o que diz Marília Gabrielly, do CF8.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Homem tenta fugir mas é preso com droga e faca no bairro Mandacaru, em Petrolina (PE)

Um homem, que não teve o nome divulgado, foi preso durante rondas ostensivas de policiais …