Empreendimentos da Agricultura Familiar poderão vender produtos direto para escolas estaduais

irpa

Cerca de 20 empreendimentos de municípios do Território Sertão do São Francisco participaram de uma reunião na tarde desta quinta-feira (16) com representantes da Secretaria de Educação da Bahia para conhecer uma nova forma de fornecer produtos da Agricultura Familiar para escolas da rede estadual.

Frutas, polpas, sucos, doces, sequilhos, legumes, hortaliças, derivados do peixe, carnes, entre outros produtos, poderão ser entregues diretamente nas escolas pelos empreendimentos ou agricultores/as individuais credenciados na Secretaria de Educação da Bahia. Para se credenciar é preciso entregar documentação na referida secretaria e após habilitados os empreendimentos ficam aptos a fornecerem os produtos conforme a demanda apresentada pelas escolas à Secretaria de Educação, através da Superintendência de Organização da Rede Escolar e da Coordenação de Alimentação Escolar.

Segundo a coordenadora de Alimentação Escolar no estado, Amanda Andrade, o objetivo é “fortalecer essa comercialização de produtos da agricultura familiar no Território, fazendo um elo com o Programa de Alimentação Escolar”. Na reunião, que aconteceu na sede do Irpaa, em Juazeiro, as/os participantes conheceram o funcionamento do Programa e o procedimento necessário para se credenciar.

Integrante da Associação de Apicultores/as de Sento Sé (Aapssé), Jaciara Ladislau, avalia que esta oportunidade “só vem a acrescentar mais uma forma de comercialização dos empreendimentos da Rede Sabor Natural do Sertão e melhorar a renda dos agricultores familiares do Território Sertão do São Francisco”. Jaciara fala ainda da importância de divulgar para outros grupos a importância de fazer o credenciamento.

Maria Aparecida Mendes (Cida Pescadora), representante de associação de pescadoras de Sobradinho, relata que o grupo já tem a experiência de fornecer alimentos derivados do peixe para escolas da rede municipal, mas agora há a possibilidade de entregar para a rede estadual, o que só aumenta as expectativas das empreendedoras. (Irpaa).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Juazeiro (BA): Prefeitura modifica testagens para Covid-19 no Lacen e amplia para UBSs

Para evitar aglomeração de pessoas com sintomas gripais e trazer melhor organização, a Pre…