Em nota, OAB-PE se compromete em acompanhar atuação de advogado do homem acusado de matar Beatriz

A Ordem de Advogados do Brasil – Subseção Petrolina (PE), emitiu nota para esclarecer  as medidas  que estão sendo adotadas  pela entidade após  os familiares de Beatriz Mota solicitarem que  a OAB acompanhe o exercício profissional do advogado Rafael Nunes, responsável pela defesa do de Marcelo da Silva, 40 anos, suspeito de matar Beatriz Angélica, 7 anos, em 2015, no Colégio Nossa Senhora Auxiliadora.

NOTA DE ESCLARECIMENTO

“Acerca da manifestação da senhora @lucinha.mota , atinente à atuação de advogados no caso @caso_beatriz , com suposta infringência às normas regulamentadoras do exercício da advocacia, vimos esclarecer:

@oabpe , na pessoa do Presidente @fernandoribeirolins , e a nossa Subseção Petrolina, por meio de nosso Presidente, @marcilio_rubensadv , estiveram reunidos virtualmente com a Sra. Lucinha Mota e o Professor @sandroromilton , respectivamente, mãe e pai da menor, oportunidade em que a OAB/PE firmou o compromisso de designar representante para acompanhar o exercício profissional do(a)(s) advogado(a)(s) atuante(s) no feito criminal (inquérito e/ou processo), visando garantir o estrito e regular cumprimento dos preceitos do nosso Estatuto da Advocacia e Código de Ética.”

https://www.instagram.com/oab_petrolina/reel/CZAjm8ttb5K/?utm_medium=share_sheet

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Morre Padre Reginaldo Veloso, autor de músicas da liturgia cantadas nas dioceses de Petrolina (PE) e Juazeiro (BA)

O padre Reginaldo Veloso morreu aos 84 anos, no Recife. A morte aconteceu na noite da quin…