Dia Mundial da Conscientização: Prefeitura de Petrolina (PE) ressalta cuidado e acolhimento aos pacientes com Autismo

Nesta terça-feira, 2 de abril, é celebrado o Dia Mundial da Conscientização do Autismo. A data foi criada em 2007, pela Organização das Nações Unidas (ONU), com o objetivo de levar informação à população para reduzir a discriminação e o preconceito contra pessoas que apresentam o Transtorno do Espectro Autista (TEA). Em Petrolina, quem recebe o diagnóstico de TEA é assistido por equipes multidisciplinares na rede básica e especializada de saúde.

Os transtornos do espectro autista aparecem na infância e tendem a persistir na adolescência e na idade adulta. Na maioria dos casos, eles se manifestam nos primeiros cinco anos de vida. As pessoas diagnosticadas pelos TEAs frequentemente têm ansiedade e transtorno de déficit de atenção e hiperatividade, em casos mais graves podem ter condições comórbidas, como epilepsia e depressão. O nível intelectual muda muito de um caso para outro, variando de deterioração profunda a casos com altas habilidades cognitivas.

Em Petrolina, a assistência é feita através de uma equipe multidisciplinar e ocorre na Policlínica Municipal e na Atenção Primária. São disponibilizados atendimentos e consultas com médico, fonoaudiólogo, nutricionista, fisioterapeuta e psicóloga, tudo para assegurar a qualidade e desenvolvimento durante toda a vida. O autismo é uma condição de saúde caracterizada por desafios em habilidades sociais, comportamentos repetitivos, fala e comunicação não verbal. Entretanto, terapias adequadas a cada caso podem auxiliar essas pessoas a melhorar sua relação com o mundo.

Fechado para comentários

Veja também

Simão Durando anuncia projeto de pavimentação em 16 bairros de Petrolina (PE); veja se o seu está na lista

O prefeito Simão Durando anunciou nessa terça-feira, (23) durante participação no Programa…