Deputados escolhem nome de Eduardo Campos para novo plenário

0

Na véspera da inauguração do novo prédio da Assembleia Legislativa de Pernambuco, o nome do novo plenário, que sediará as reuniões plenárias a partir do próximo semestre, virou motivo de discussão na Casa, nesta quarta-feira (28). Após as discussões, o futuro local das reuniões se chamará Governador Eduardo Campos.

A escolha de dar o nome do neto de Arraes ao plenário gerou polêmica dentro e fora da Casa. Na ocasião, a Superintendência de Comunicação da Alepe divulgou que a decisão dependia da aprovação de projeto de resolução da Mesa Diretora, que ainda estava em tramitação.

Insatisfeito com a iniciativa, o deputado oposicionista Edilson Silva (PSOL) propôs uma enquete para que os internautas sugerissem nomes para o plenário. O mais votado no levantamento, que fazia uma homenagem às mulheres de Tejucupapo, no entanto, não foi considerado.

Nesta quarta, no entanto, os parlamentares escolheram o nome do ex-governador socialista. Durante a discussão, a deputada Teresa Leitão (PT) considerou a escolha uma imposição ao Legislativo e afirmou que os deputados têm direito de decidir como se chamará o seu local de trabalho.

Os parlamentares também ressaltaram a importância da homenagem precisar ter uma validação histórica, como é o caso de Joaquim Nabuco, nome do Palácio, endereço principal da Assembleia. (Blog da Folha).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Dormentes (PE): Prefeitura inicia nova fase de enfrentamento a covid-19

A Prefeitura de Dormentes iniciou nesta quarta-feira (15) uma nova fase no enfrentamento a…