Compesa é notificada para recuperar pavimentação de vias em Petrolina

0

A Prefeitura de Petrolina notificou a Companhia Pernambucana de Saneamento (COMPESA) por não realizar a recuperação da pavimentação de vias que receberam intervenções da companhia. Na Avenida dos Tropeiros, no bairro Jardim Amazonas, um prazo de 10 dias foi dado para que a manutenção do asfalto fosse refeita já que o serviço não possuia a qualidade mínima exigida. Situação semelhante ocorreu na Rua do Trabalho, no bairro Atrás da Banca, onde a recomposição do pavimento precisava ser feita depois de uma obra de saneamento.

A notificação para o conserto do pavimento das duas localidades foi entregue à Compesa na semana passada. A ação é resultado de um trabalho de fiscalização da Diretoria de Saneamento da Secretaria de Infraestrutura, Mobilidade e Serviços Públicos (SEINFRA), a partir da vistoria e acompanhamento das obras de saneamento da cidade.

De acordo com o secretário da SEINFRA, Fred Machado, caso a notificação não seja atendida, a Compesa estará sujeita a uma multa. “Estamos realizando fiscalizações constantemente para garantir que a população possa usufruir dos seus direitos de ter uma cidade mais limpa e organizada. Por isso, não podemos admitir que a Compesa deixe serviços pela metade e não recupere as vias públicas depois de alguma intervenção. A penalidade nestes casos pode chegar até a 10 vezes o valor estimado do prejuízo ao patrimônio público municipal”, destaca Machado.

DENÚNCIAS

Além da fiscalização realizada pela Prefeitura de Petrolina, a população também pode ajudar a denunciar situações em que a Compesa deixe consertar uma via após uma obra. Qualquer cidadão pode formalizar a denúncia através da Ouvidoria Municipal. Os contatos são o telefone 156, o site da prefeitura (www.petrolina.pe.gov.br) e o WhatsApp (87) 99985-0081. Além disso, também existe o atendimento presencial na sede da prefeitura, de segunda à sexta-feira sempre pela manhã.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Exclusivo: Justiça autoriza obras de urbanização da Orla de Petrolina

Um documento assinado pelo desembargador Paulo Roberto de Oliveira Lima do Tribunal Region…