Comitê de Políticas Públicas sobre Drogas prepara plano para fomentar ações de prevenção em Salgueiro

0

IMG_0388

Apontado por muitos estudiosos como um problema internacional de saúde pública o enfrentamento à problemática das drogas, ganha um novo aliado em Salgueiro no sentido de investir na prevenção, ou seja, evitar com que os jovens pisem no caminho obscuro do consumo, seja lícitas ou ilícitas. Como ponto de partida, o prefeito Marcones Libório de Sá, deliberou a criação do Comitê Municipal de Políticas Públicas sobre Drogas que já começa a dar seus primeiros passos envolvendo várias frentes da sociedade.

Uma das finalidades do comitê é fomentar a prevenção ao uso, o tratamento e a reinserção social de usuários de drogas, bem como identificar, divulgar, acompanhar e monitorar a condução do Plano Municipal de Enfrentamento às Drogas na área urbana e rural.

Sob coordenação da Secretaria de Desenvolvimento Social, a primeira reunião do comitê foi realizada esta semana no CVT de Confecções e contou com representantes do Nuprev, da Secretaria de Saúde, Coordenadorias da Juventude e das Mulheres, além do Cras e do Creas, para encaminhar a criação do comitê Municipal de Políticas Públicas sobre Drogas, a construção da portaria e um calendário de ações e próximos encontros.

De acordo com a secretária de Desenvolvimento Social, Eliane Alves, foi um momento importante para se reconhecer o valor do comitê, ao mesmo tempo, que, abriu caminhos para se adotar ações de fortalecimento e busca de apoio da sociedade civil. “Em primeiro lugar é fundamental uma representatividade com profissionais da esfera pública e entidades de vários segmentos. Já avançamos com o decreto e a lei que já existe. O momento agora é planejar uma ação coletiva e continuada para mobilizar a comunidade”, destacou.

O secretário de saúde Emanuel Leite, ressaltou que a palavra prevenção é fator determinante nesse processo, para fortalecer as políticas públicas de combate à expansão do consumo. “A saúde disponibiliza a Rede de Atenção Psicosocial que já está inserida na questão da saúde mental. O Capes, por exemplo, cumpre um papel importante atendendo pessoas que querem se livrar do álcool e das drogas”, aponta o secretário ressaltando que o momento agora é para expandir junto à população o combate no campo educativo..

Quando estiver completamente instituído, o comitê já atuará como entidade autônoma, interinstitucional e multiprofissional, de caráter deliberativo, ético, técnico, científico, educativo e de assessoria. Seus integrantes vão desenvolver ações de forma descentralizada e integrada. Além disso, vai integrar e articular as políticas e ações de saúde, assistência social, segurança pública, educação, desporto, cultura, direitos humanos, juventude, dentre outras, de acordo com os pressupostos das políticas públicas.

Para o prefeito Marcones Sá, a luta do enfrentamento às drogas deve ser contínua e envolver a sociedade como um todo, compreendendo que os jovens poderão ser salvos mediante uma ação coletiva. “Só podemos derrotar o território das drogas com envolvimento de todos. Não vale só a ação do Estado ou município, tem de haver engajamento da sociedade principalmente das famílias”, completou. Até o início de janeiro, o comitê divulgará a proposta do Plano e a agenda do trabalho de campo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Polícia prende acusado de assassinar filho de ex-vereador em Salgueiro (PE)

Um homem de iniciais L. R. M. B foi preso na tarde do domingo (22), acusado de matar ̶…