Com delegacia fechada, mulher é assaltada no centro de Serra Talhada e não pôde registrar queixa

delegacia

Com a paralisação de 24 horas da Polícia Civil de Pernambuco, a população foi quem “pagou o pato”. Em Serra Talhada, por volta das 20h desta quinta-feira (02), uma mulher foi assaltada por dois homens no centro de Serra Talhada. Segundo a vítima, os acusados se aproximaram da mesma em um veículo não identificado e lhe roubaram sua bolsa. A vítima ficou aterrorizada com a situação e procurou a DP local, porém para sua surpresa, a delegacia estava fechada; a mulher não sabia da paralisação por 24 horas que a categoria havia programado para esta quinta-feira.

Os Policiais Civis iniciaram um movimente de alerta por 24 horas, começando por volta da meia noite desta quinta-feira (02). A categoria reivindica isonomia da gratificação do risco de vida policial, revisão do plano de cargos e carreiras, inclusão dos peritos papiloscopistas no quadro técnico policial e convocação de aprovados remanescentes no último concurso público para a Polícia Civil. Os policiais também se negam a participar do Programa de Jornada Extra da Segurança (PJES). (Foto: Blog Serra Talhada).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Sargento que atirou em filhos durante briga com esposa é expulso da Polícia Militar de Pernambuco

O terceiro sargento da Polícia Militar de Pernambuco, Moisés Francisco de Lima Carvalho, s…