Chuvas deixam ao menos 30 mortos no Grande Recife, diz Defesa Civil

A Defesa Civil de Pernambuco disse, neste sábado (28), que ao menos 30 pessoas já morreram por conta das chuvas na Região Metropolitana do Recife. Essas vítimas se somam às cinco mortes que já haviam sido confirmadas até a tarde desta sexta-feira (27).

Segundo a Defesa Civil, a maioria das vítimas deste sábado (28) são da comunidade Jardim Monte Verde, na Zona Sul do Recife. Dezenove pessoas morreram vítimas de deslizamento por lá.

Além disso, neste sábado (28), a Defesa Civil relatou outras três mortes no município de Camaragibe. De acordo com o governo de Pernambuco, essas três pessoas morreram no Córrego do Desastre.

Outras duas vítimas fatais foram relatadas pela Defesa Civil na capital pernambucana do Recife. De acordo com o governo de Pernambuco, essas duas mortes foram em decorrência de deslizamentos ocorridos no Córrego do Jenipapo e no Sítio dos Pintos.

Por último, a Defesa Civil afirmou neste sábado (28) que uma criança morreu no município de Jaboatão dos Guararapes.

Até a tarde desta sexta-feira (27), também já haviam sido confirmadas outras quatro mortes em Olinda e uma em Jaboatão dos Guararapes.

Em Olinda, das quatro mortes, três foram provocadas por deslizamentos de barreiras e uma de um motociclista que tentou atravessar uma área alagada. Em Jaboatão dos Guararapes, um homem morreu arrastado pela correnteza após tentar salvar o animal de estimação.

Desabamentos, alagamentos e famílias desabrigadas
Neste sábado (28), fortes chuvas voltaram a atingir Recife, provocando ocorrências de desabamentos e diversos pontos de alagamento. Segundo a prefeitura da capital pernambucana, nas últimas 96 horas, algumas regiões registraram um acúmulo de 443 milímetros.

“A Central de Operações da Codecipe recebeu dos municípios, o registro de que 516 pessoas estão desalojadas e 249 pessoas estão desabrigadas”, informou o governo de Pernambuco, em nota, neste sábado (28).

Segundo as autoridades, as desabrigadas foram acolhidas em equipamentos comunitários articulados pela entidade, nos bairros da Linha do Tiro, Coqueiral, Várzea e Campina do Barreto, enquanto as famílias desalojadas estão em casas de amigos e parentes.

O prefeito do Recife, João Campos (PSB), publicou, neste sábado, no Twitter: “Ativamos o Plano de Contingência para enfrentar as chuvas causadas pelo rigoroso fenômeno Ondas de Leste – em alguns pontos o acumulado chega a 428 mm nas últimas 96h.”

No Twitter, o governador pernambucano Paulo Câmara (PSB) publicou que todo o efetivo do Corpo de Bombeiros que atua na Região Metropolitana do Recife, Zona da Mata e Agreste está de prontidão durante este final de semana. (CNN Brasil)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Casos ativos de Covid-19 na Bahia crescem mais de 2.839%

A Secretaria de Saúde do Estado da Bahia (Sesab) reportou 9.740 casos ativos de Covid-19, …