Caminhada da Paz promovida pela Diocese de Juazeiro reúne milhares de estudantes nas ruas da cidade

0

Preservação da vida, tolerância, respeito às religiões, as mulheres, aos negros, união e paz. Essas foram algumas das bandeiras levantadas nesta sexta-feira (22), por mais de 2 mil estudantes de 20 escolas da rede municipal, professores, gestores, representantes de instituições e a população em geral na 12ª edição da Caminhada da Paz, que saiu do Águas Center, na Avenida Adolfo Viana até a Orla 2 da cidade. Acompanhados por um mini trio elétrico, animados pelo Ministério de Música com representantes de várias paróquias do município, os participantes se vestiram de branco, cantaram louvores e levaram para as ruas do comércio muitas mensagens exaltando a paz.

O Bispo de Juazeiro, Dom Beto, disse que está muito feliz e satisfeito com resultado da parceria com a Prefeitura de Juazeiro no projeto ‘Valores Humanos e Cultura de Paz’, desenvolvido nas escolas municipais. “A equipe da Secretaria de Educação e Juventude está de parabéns, abraçou o projeto e realizou várias atividades com os estudantes e hoje estão aqui para celebrar este trabalho e levar esta mensagem de paz para a população. A paz não é só a ausência de guerras, consiste em cultivar valores, de sermos pessoas humanas, gentis, tolerantes, que respeita uns aos outros. Vamos trazer a paz para a nossa Juazeiro e toda a região”, ressaltou o líder religioso.

Dom Beto ainda completou. “Foi um trabalho lindo realizado nas escolas, com ações que fomentaram a cultura de paz, resgatando os valores humanos, com resultados significativos no comportamento dos alunos, nas relações interpessoais no ambiente escolar, nas famílias e nas comunidades, foi uma verdadeira corrente de paz e amor. Queremos agradecer a Diocese por nos convidar a fazer parte deste projeto e parabenizar todas as escolas da rede municipal que abraçaram e fizeram bonito, levando a cultura de paz para a comunidade escolar”, finalizou.

O evento foi o momento de culminância das ações desenvolvidas nas escolas municipais e nos bairros pelo projeto, como caminhadas nos bairros, exibição de filmes, palestras, debates, campanhas educativas sobre a Paz no Trânsito, atividades interdisciplinares envolvendo músicas, textos e biografia dos líderes da paz mundial e local, produção de peças teatrais, entre outras ações.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Câmara aprova liberação de medicamentos sem registro durante pandemia do Coronavírus

A Câmara dos Deputados aprovou nesta quarta-feira (1º) projeto de lei que estabelece o pra…