Bolsonaro diz que vai “debater com o cara” no primeiro turno das eleições

Se referindo ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT),  Jair Bolsonaro (PL) afirmou, na quarta-feira (27), que vai “debater com o cara” no primeiro turno nas eleições de outubro.

Questionado a respeito das estratégias que serão adotadas por ele na campanha, o presidente respondeu que o foco para os meses que antecedem as eleições será debater com o petista. “Vou debater com o cara. Fica tranquilo aí”, respondeu a jornalistas enquanto caminhava a pé para a Câmara, ao lado da primeira-dama, Michelle Bolsonaro, e de parlamentares e ministros. Bolsonaro participará da convenção nacional do Progressistas (PP) que oficializará a coligação com o Partido Liberal (PL).

PP e PL, que são base de sustentação do Centrão e, consequentemente, de Bolsonaro, vão tornar a aliança oficial. Antes de Bolsonaro se filiar ao partido de Valdemar Costa Neto, as duas legendas já atuavam como aliadas do presidente no Congresso.

Em junho, Bolsonaro já havia desafiado Lula para um debate no primeiro turno das eleições. No entanto, no final de maio, alegou que evitaria os debates no primeiro turno das eleições para não levar “pancada” o tempo todo por parte dos candidatos.

“No segundo turno eu vou participar. Se eu for para o segundo turno, devo ir, né, eu vou participar. No primeiro turno, a gente pensa. Porque se eu for, os 10 candidatos vão querer o tempo todo dar pancada em mim e eu não vou ter tempo de responder”, disse. Ele ainda defendeu na ocasião que as perguntas deveriam ser “pré-acertadas com os encarregados de fazer os debates, para não baixar o nível”. (Correio Braziliense)

 

Fechado para comentários

Veja também

Confira a previsão do tempo para esta sexta-feira em Petrolina (PE)

A previsão do tempo para esta sexta-feira (19), em Petrolina (PE) é de sol com algumas nuv…