Bahia: Movimento Juntos Somos + Fortes articula Assembleia Geral com indicativo de greve

O coletivo Movimento Juntos Somos + Fortes (MJSMF), composto por entidades sindicais que defendem os direitos e interesses dos trabalhadores da segurança pública, convoca a categoria dos Policiais Civis do Estado da Bahia a participar de Assembleia Geral em reivindicação pelo salário de nível superior.

O estado da Bahia é o que mais arrecada rendimentos do contribuinte em todo o nordeste, contudo o Governo do Estado se mantém inerte diante das demandas por melhorias salariais e coloca os servidores da Polícia Civil baiana com o terceiro pior salário da região, ultrapassado apenas pelas instituições da Paraíba e do Piauí.

Apesar dos esforços de homens e mulheres aguerridos, que se mantiveram incansáveis na execução de suas funções ainda que em meio aos piores momentos da pandemia de Covid-19, o Governo é incapaz de valorizar os profissionais que cedem suas vidas em prol da segurança da sociedade. É urgente a valorização da classe, a qual será alcançada primariamente a partir da regulamentação do salário de nível superior, como a lei determina desde 2009.

Somente com a valorização dos Policiais Civis e seus direitos, será possível mitigar os danos sofridos pela população baiana e lutar para retirar a Bahia do topo da lista de mortes violentas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Araripina (PE): Maior polo gesseiro do Brasil é alvo de megaoperação contra furto de energia elétrica

O maior polo gesseiro do Brasil, no Sertão de Pernambuco, foi alvo de uma megaoperação env…