Ato de filiação de Miguel Coelho pode emplacar Raul Henry em Recife (PE)

1

A filiação ao MDB do prefeito de Petrolina, Miguel Coelho, na próxima segunda-feira (11), vai se transformar no grito de independência do partido e uma sinalização do corte do cordão umbilical com o PSB, aliado histórico e controlador do eixo de poder no Estado e na Prefeitura do Recife.

Com potencial eleitoral para ser reeleito, Miguel faz uma das gestões mais bem avaliadas entre os municípios do Estado, vitrine no Nordeste como centro urbano acima de 200 mil habitantes que mais atraiu investimentos, gerou emprego e distribuiu renda nos últimos três anos.

Seu pai, o senador Fernando Bezerra Coelho (MDB), líder do Governo Bolsonaro na Casa Alta, deve fazer um discurso com ênfase na restauração do MDB, que tem atraído pesos-pesados aos seus quadros para disputar as eleições municipais do ano que vem.

Ele está em lua de mel com o senador Jarbas Vasconcelos e o presidente estadual da legenda, Raul Henry, este com nome ventilado para disputar a Prefeitura do Recife. FBC tem sido o maior incentivador da entrada de Henry na sucessão do prefeito Geraldo Júlio.

Por isso, já há quem admita que, em seu discurso de saudação ao ingresso do filho no MDB, o líder de Bolsonaro lance, oficialmente, a candidatura de Henry a prefeito do Recife. O cenário da festa não poderia ser melhor em se tratando de projeção e repercussão na mídia.

No ato em que o MDB estenderá o tapete vermelho ao prefeito Miguel Coelho, segunda, às 18 horas, na Califórnia brasileira, estarão lado a lado o novo presidente nacional do partido, Baleia Rossi, Jarbas Vasconcelos, Raul Henry e Fernando Bezerra.

Baleia Rossi chegou a afirmar, na última reunião da executiva nacional do MDB, que é grande entusiasta da candidatura de Henry no Recife, depois de uma intervenção do governador de Alagoas, Renan Filho, ao defender a tese, bem amadurecida entre os caciques peemedebistas, no sentido de que o partido tenha candidato próprio em todas as capitais e nos colégios eleitorais com população acima de 200 mil eleitores. (Blog do Magno).

1 Comentário

  1. franciso junior

    6 de novembro de 2019 em 08:41

    MDB do Temer, Sarney, Renan, Jucá, Barbalho, Cunha, essa é a nova velha política… Misericórdia….

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Paulo Câmara transmite comando do Estado à vice-governadora, Luciana Santos

Em decorrência de uma viagem, em missão comercial, para países europeus, o governador Paul…