Aprovada Comissão  Especial  para investigar supostas irregularidades praticadas pela gestão do prefeito de Cabrobó (PE)

A Comissão  Especial  para investigar supostas irregularidades praticadas pela gestão do prefeito de Cabrobó (PE),  Marcílio Cavalcanti,  foi criada e aprovada durante sessão realizada na segunda-feira (25), na Câmara de Vereadores do Município.

A votação – que era uma das exigências da Ação Popular, contou com onze votos  a favor – os outros dois vereadores estavam ausentes.  Após  este procedimento o presidente da Câmara realizou o sorteio para decidir quais seriam os três nomes que ficariam a frente da comissão,  foram eles o líder do governo Jorge Cavalcanti e o da oposição Marcos de Neuma e o vereador Avanildo Barros.

A Ação Popular teria sido assinada por dez cabroboenses que listaram pelo menos 10  supostos  crimes praticados pela gestão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Juazeirense viaja nesta terça-feira (27) para enfrentar o Santos pela Copa do Brasil

O time da Juazeirense embarca, nesta terça-feira (27), para  enfrentar o Santos, na Vila B…