Aplicativo para auxílio emergencial de R$ 600 será disponibilizado na terça-feira (7), diz ministro

O ministro da Cidadania, Onyx Lorenzoni, afirmou nesta sexta-feira, 3, que o governo irá adotar um aplicativo para que os trabalhadores informais que possuam o direito recebam a renda básica emergencial, de R$ 600 ou de R$ 1,2 mil para mães solteiras. A medida é um benefício adotado para alívio da crise causada pelo coronavírus.

“Não haverá nenhuma taxa e nenhum ônus e vai permitir que pela web, ou através do celular, as pessoas possam fazer cadastramento para permitir que, aqueles que cumprirem todos os requisitos, tenham o recurso creditado pela Caixa, pelo Banco do Brasil e pela rede bancária privada”, informou Lorenzoni.

De acordo com o ministro, o aplicativo será disponibilizado pelo governo a partir de terça, 7. Ele ainda afirmou que o objetivo da plataforma é permitir que em até 48 horas os pedidos sejam processados e possam atender os trabalhadores que não estão no cadastro único (CadÚnico).

“Se o cidadão já está no cadastro único, se ele fizer um registro o aplicativo vai confirmar que ele já está na base de dados”, disse.

Para aqueles que já fazem parte do CadÚnico, Onyx garantiu o trabalho para que o pagamento chegue o quanto antes nas mãos dos brasileiros. “Para os elegíveis, que já estão no cadastro único, estamos correndo para muito provavelmente na terça ou na quarta a Caixa anunciar um cronograma de pagamentos”, ressaltou.

O presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães, revelou ainda que mais detalhes sobre o pagamento serão divulgados no início da próxima semana. “Iremos trabalhar no fim e semana. Na segunda vamos divulgar detalhes do aplicativo, do site, da central de atendimento telefônico”, concluiu.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Covid-19: Juazeiro (BA) registra mais 38 casos com 3 leitos de UTI disponíveis

Juazeiro registrou 38 casos do novo coronavírus nas últimas 24 horas. A informação está no…