Agora é lei: bares e restaurantes terão que fixar cartazes de combate a violência contra a mulher em Pernambuco

0

Agora é lei: bares, restaurantes e casas de espetáculo são obrigados, a partir de agora, a incentivar o combate à violência contra as mulheres. A Lei nº 16.659, de autoria do deputado Joel da Harpa (PP), acaba de ser sancionada e determina que esses estabelecimentos devem afixar cartazes sobre a importância de fazer denúncias para a Polícia Militar e para a Central de Atendimento à Mulher. A nova legislação foi assinada no dia 10 de outubro e publicada no Diário oficial de Pernambuco de sábado (12).

De acordo com a lei, os cartazes devem conter a seguinte frase: “Denuncie a violência contra a mulher. Ligue para o 190 (Polícia Militar) ou 180 (Central de Atendimento à Mulher)”. Devem ser colocados em locais de fácil visualização e com letras destacadas em negrito. Também prevê penalidades para os estabelecimentos que não colocarem os cartazes. As punições são: advertência, multa de R$ 1 mil e cobrança em dobro, em caso de reincidência.
As multas, afirma a lei, devem ter o valor atualizado pelo Índice de Preço ao Consumidor Amplo (IPCA). A norma deve ser regulamentada pelo governo do estado.

Para Joel da Harpa, a ideia é incentivar os donos de bares e casas de show a colocar esses cartazes nas portas dos banheiros femininos. “Queremos estimular que as mulheres saibam a quem recorrer em caso de violência. A ideia de incluir bares e casas de espetáculo partiu da necessidade de levantar o debate nesses ambientes. São locais onde se consomem bebidas alcoólicas e de grande descontração. São ambientes em que devemos mostrar a importância da prevenção”, conclui.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Segundo ClimaTempo, a temperatura máxima chega aos 36° nesta segunda-feira(16) em Petrolina (PE)

De acordo com o instituto ClimaTempo, essa segunda-feira (16), será de sol, muitas nuvens …