Ação de vandalismo na tubulação da Compesa deixa Dormentes (PE) e parte da zona rural de Petrolina (PE) sem água

Um ato de vandalismo na rede de abastecimento da Adutora de Dormentes prejudicou mais de 8.600 moradores. Após relatos sobre a interrupção no abastecimento nas comunidades atendidas pela adutora, técnicos da Compesa identificaram que a rede foi violada.

“Foram retirados parafusos da tubulação, provocando assim o vazamento proposital de água. O impacto de um ato desse é imenso. Além de deixar milhares de famílias sem água, também prejudicou comércios e serviços públicos essenciais, como escolas e hospitais”, pontuou o gerente de Negócios da Compesa, Alex Chaves, acrescentando o vândalo ainda correu um grande risco de sofrer acidente, já que a adutora é pressurizada.

Foram diretamente prejudicadas toda a área urbana de Dormentes e as comunidades da zona rural de Petrolina: Satisfeito 01 e 02, Baixa da Babosa, Campo Limpo, Sitio Baixa, Baixa do Buraco, Baixa dos Caibros, Caldeirão, Caatinga Grande, Extrema, Sitio Bandeira, Curral Velho, Realem, Chapada do Sergipe, Sitio São Miguel, Capacidade e Bandeiro.

O reparo na tubulação da Adutora foi concluído na manhã de hoje (20) e o abastecimento da água urbana de Dormentes está sendo normalizado de forma gradual. Já as comunidades da zona rural que deveriam ter recebido água no último ciclo, seguindo o calendário de abastecimento, as sangrias serão reabertas de 1º a 03 de março.

Fechado para comentários

Veja também

Chacina em praça no Ceará: veja quem são as vítimas

As vítimas da chacina que deixou sete mortos e dois baleados na Praça Clóvis Beviláqua, no…