14 crianças de 0 a 11 anos foram vítimas de estupro em Petrolina (PE), de janeiro a agosto de 2020

Em sete meses, crimes de estupro envolvendo crianças, em Petrolina (PE) marcaram as páginas dos boletins policiais causando a revolta da população.

Segundo informações da Secretaria de Defesa Social de Pernambuco (SDS), de janeiro a agosto de 2020, 14 crianças de 0 a 11 anos foram vítimas de estupro em Petrolina.

O número representa -22,2% em relação ao mesmo período de 2019, quando a Polícia Civil realizou 18 boletins de ocorrência com vítimas dessa faixa etária.

Casos mais recentes

O último crime de estupro seguido de morte em Petrolina, foi de uma criança de 11 anos. A menina havia desaparecido no último domingo (11), mas seu corpo só foi encontrado na tarde de segunda-feira (12) em um matagal nas imediações da Transnordestina. O suspeito é irmão do padrasto da garota, identificada como Mariana de Souza Santos. Após buscas realizadas pela Polícia Militar (PM), ele foi encontrado e confessou os crimes de estupro e homicídio.

Em agosto, um homem também foi preso suspeito de estuprar as duas filhas na Agrovila Massangano, área ribeirinha de Petrolina. De acordo com a Polícia Militar, uma das vítimas tinha 16 anos e a outra, oito.

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Homem é assassinado a facadas na zona rural de Lagoa Grande (PE)

Um homem identificado como Francisco José de Souza, de 30 anos, foi morto a facadas na man…