Santa Maria da Boa Vista: Codevasf dá calote em empresa e provoca crise no Projeto Fulgêncio

0

Trabalhadores rurais do Projeto Fulgêncio no Município de Santa Maria da Boa Vista (PE) vivem um momento de caos.

A empresa O&M paralisou os serviços porque segundo informações, a Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf) não efetua o pagamento há 3 meses.

“A Companhia Energética de Pernambuco (Celpe) cortou a energia por falta de pagamento na segunda-feira, mas religaram. Depois veio o problema,  a empresa de operação parou porque a Codevasf não pagou as faturas e não tem quem mande água para o lotes dos projetos e as pessoas estão sem trabalhar”, disse um dos funcionários.

Nesta quarta-feira, (16), uma reunião foi realizada no Centro Administrativo do Projeto Fulgêncio e o prefeito da cidade Humberto Mendes garantiu aos reassentados a manutenção e operação do perímetro em caráter emergencial durante 10 dias até que os sindicatos encontrem uma solução.

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Quatro pessoas são presas por sonegação fiscal em distribuidoras

A Polícia Federal (PF) cumpriu na manhã desta quarta-feira (15) quatro mandados de prisão …