Prefeitura deverá assinar ordem de serviço para Plano Municipal de Mobilidade Urbana

0

mobilidade

A Prefeitura de Petrolina através da Empresa Petrolinense de Trânsito e Transporte Coletivo assinará nessa terça-feira (12), a ordem de serviços para a elaboração do PMMU (Plano Municipal de Mobilidade Urbana) às 14h, no Gabinete do Prefeito.

Segundo a proposta do plano serão executados em Petrolina projetos de infraestrutura das vias, ciclovias, calçadas, semáforos, faixas, todos baseados na Política Nacional de Mobilidade Urbana, que dá acesso aos recursos do Sistema Nacional de Mobilidade Urbana.

De acordo com o diretor presidente da EPTTC, Paulo Valgueiro, serão realizadas audiências públicas para consultar a população sobre os projetos necessários nas localidades.

De acordo com a Política Nacional de Mobilidade Urbana todos os municípios brasileiros que possuam mais de 20 mil habitantes devem elaborar esse Plano. Se o projeto não for elaborado no prazo ou não seguir às diretrizes, as cidades não receberão mais verbas federais destinadas à mobilidade urbana, até que cumpram as exigências do Governo Federal.

A elaboração do Plano de Mobilidade Urbana desde fevereiro do ano passado está sob a coordenação da EPTTC-Empresa Petrolinense de Trânsito e Transporte Coletivo, que deverá responder a a população o motivo na demora das licitações que dificultam a mobilidade urbana em Petrolina.

“O automóvel hoje está universalizado como política de Estado. A calçada e o transporte público se tornaram reféns, e o carro ocupa maior parte das vias. O aumento do número de carros gerou colapso no trânsito e planos precisam priorizar transportes públicos”, finalizou Paulo Valgueiro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

“Nossa expectativa é fazer mais com amor, com dignidade, com respeito ao cidadão”, diz prefeito de Petrolina, Miguel Coelho

Pra mostrar que não quer apenas festas para Petrolina, o prefeito Miguel Coelho bateu papo…