Prefeito Dhoni Amorim sofre derrota na câmara de Lagoa Grande

0

camara

O Projeto de Lei Nº 006/2015, que solicita autorização do legislativo para contrair um empréstimo no valor de R$ 2 Milhões de Reais com BNDES, foi fortemente debatido. Segundo a redação do projeto o dinheiro será destinado a execução ao Programa de Modernização da Administração Tributárias e Gestão dos Setores Sociais Básicos (PMAT) do município.

Vale destacar que o prazo de carência é de 24 meses, amortização do valor da dívida é de 72 meses e prazo para pagamento até 96.

Depois de uma grande rodada de debates, onde cada vereador pode expor sua opinião sobre o projeto em questão, “vereadores se sentiram tristes”, outras citaram que estava sendo um verdadeiro “palanque eleitoral”, ” ninguém é manipulado”, “respeito”.

Mesmo com toda explicação do assessor da prefeitura e as as falas dos vereadores da situação o projeto foi rejeitado por 5 votos contra e 4 a favor, ou seja, o Projeto de Lei Nº 006/2015 não foi aprovado.

Confira o resultado da votação do Projeto de Lei Nº 006/2015.

VEREADOR VOTO
DOTOR DE IOLANDA VOTOU CONTRA
MANTENA VOTOU CONTRA
ITALO (Presidente) NÃO FOI NECESSÁRIO VOTAR
EDNEUZA VOTOU CONTRA
JOSAFA VOTOU CONTRA
JOSE BAIANO VOTOU CONTRA
JOAQUIM DA ROCINHA VOTOU A FAVOR
ERASMO FARIAS VOTOU A FAVOR
LINDACY AMORIM VOTOU A FAVOR
NENA GATO FALTOU A SESSÃO
PROFESSOR VAVÁ VOTOU A FAVOR

(Lagoa Grande.net).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Sisu: Matrículas de convocados no 6º Remanejamento da Univasf serão realizadas na próxima quarta-feira (28)

A Secretaria de Registro e Controle Acadêmico (SRCA) da Universidade Federal do Vale do Sã…