Por usar celular com frequência, jornalista fica com graves problemas neurológicos

0

JORNALISTA

Um jornalista inglês desenvolveu problemas neurológicos incuráveis por usar com frequência o celular. Segundo informações do site DailyMail, ele machucou os nervos cervicais de tanto abaixar a cabeça para olhar as mensagens no aparelho. A doença é conhecida como nevralgia occipital. O jornalista Adam Estes começou a sentir fortes dores de cabeça.

Ele disse que sentia como se alguém estivesse batendo em sua cabeça com um aço. Depois da consulta com o neurologista, Estes descobriu que o problema estava muito mais perto do que ele esperava: em seu celular. O jornalista achou que o médico havia exagerado no diagnóstico e pensou em todas as atividades que fazia durante o dia, para ver se alguma delas envolvia o movimento do pescoço.

Ele constatou que, realmente, o celular era o responsável pelo mal que sentia. “Eu sempre leio, jogo e respondo meus email pelo celular, então fico boa parte do meu dia de cabeça para baixo, usando meu smartphone”. O médico afirmou que ficar com a cabeça inclinada por muito tempo coloca cerca de 27 kg de pressão nos nervos.

Além disso, quanto mais inclinado o pescoço, maior o impacto. A doença não tem cura e os remédios só amenizaram as dores. Além disso, o neurologista também recomendou sessões de massagem e yoga, que soltam os músculos e podem diminuir a tensão no pescoço.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Inscrições para o vestibular da Faculdade Soberana segue até amanhã (21) pelo site e até dia (24) na secretaria da Faculdade

Os estudantes interessados em cursar Odontologia na Soberana – Faculdade de Saúde de…