Policia Civil desbarata quadrilha que fraudava concursos em Pernambuco

0

quadrilha

A Polícia Civil cumpriu, nesta quinta-feira (16), 11 mandados de prisão e 12 de busca e apreensão no Recife e na Região Metropolitana, dentro da Operação Mercador, que busca desarticular uma quadrilha envolvida num esquema de fraude em concursos públicos. O concurso para  a Guarda Municipal de Ipojuca foi um dos alvos da fraude, mas outros também estão sendo investigados.

As investigações começaram há dois meses. “O objetivo da operação é prender integrantes dessa organização criminosa envolvidos na prática de fraudes em concursos públicos em Ipojuca. É um concurso que já foi realizado, e foi identificada essa fraude. Há servidores públicos envolvidos. A operação visou o cumprimento de 11 mandados. Armas de fogo, documentos, dinheiro e equipamentos eletrônicos foram apreendidos”, disse o delegado Salustiano Albuquerque.

Ao todo, 16 delegados e 132 policiais civis atuaram na operação. Os itens apreendidos e as pessoas detidas foram levados para a sede do Grupo de Operações Especiais (GOE) da Polícia Civil, no bairro do Cordeiro, no Recife. A delegacia de Crimes Contra a Administração Pública está tomando os depoimentos. Os detidos vão responder por fraude em concurso público e associação criminosa. A pena pode chegar a sete anos de prisão, de acordo com o delegado Albuquerque. (G1/Foto reprodução).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Governador Paulo Câmara garante que manterá investimentos da Compesa em Petrolina, mesmo com provável saída de Miguel Coelho do PSB

O governador Paulo Câmara (PSB-PE) garantiu que a provável saída do prefeito de Petrolina,…