Pipeiros fazem paralisação e bloqueiam rodovias no Trevo do Ibó contra mau funcionamento de sistema e salário defasado

0

Na manhã desta sexta-feira (10), motoristas de caminhão-pipa do Sertão pernambucano iniciaram uma paralisação em protesto contra a precariedade do Sistema Gpipa e o salário defasado há cerca de 8 anos. Os pipeiros que trabalham para o Exército Brasileiro através da “Operação Pipa” se concentraram no Trevo do Ibó e bloquearam as BRs 428, 116 e 316, nos sentidos Cabrobó, Belém do São Francisco, Salgueiro e Estado da Bahia.

O sistema de monitoramento Gpipa é usado para controlar as entregas de água feitas por cada caminhão. Os veículos recebem um equipamento que registra data, hora e a rota usada. No entanto, segundo os pipeiros, o equipamento não está registrando as viagens de forma correta. Segundo o Blog do Elvis, outro problema levantado é o salário defasado. Paralelo a isso os motoristas sofrem com os consecutivos aumentos no preço do combustível.

A paralisação atinge milhares de pessoas que precisam dos carros-pipa diariamente com água potável no Sertão pernambucano.

Até o momento o Ministério da Integração não emitiu nenhum comunicado ou resposta sobre o caso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Julgamento sobre prisão de Lula será iniciado no dia 4 de maio

O julgamento virtual que vai analisar o recurso do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva…