Hoje é o último dia para declarar o IR. É melhor enviar errado que atrasar

0

leao

Mais de 80 mil pessoas em Pernambuco ainda não entregaram a Declaração de Imposto de Renda à Receita Federal. O prazo acaba hoje e, se você é uma delas, considere este aviso: não perca o prazo, mesmo que, para isso, seja preciso enviar o documento incompleto ou até com erro.

Segundo dados da Receita Federal, das 720 mil declarações esperadas para o Estado, 631.560 tinham sido transmitidas até o fim da tarde de ontem. Se as 88.440 que faltam não chegarem até as 23h50 de hoje, essas pessoas terão que pagar uma multa de, no mínimo R$ 165,74.

Para evitar a penalidade, que pode se estender a até 20% do imposto devido, o conselho do diretor executivo da Confirp Consultoria Contábil, Richard Domingos, é entregar, mesmo que faltem dados ou esteja com erros de preenchimento. “Diferentemente do que muitos pensam, a entrega desta forma não significa que a declaração irá automaticamente para a malha fina”, assegura o especialista.

Contudo, depois de entregar a declaração, é preciso retificá-la assim que possível. O prazo para essa correção é de cinco anos, mas quanto maior a demora para que as informações sejam consertadas, maior é o risco de que o contribuinte entre na checagem. “Na retificadora, é preciso usar o mesmo modelo da declaração original, completo ou simplificado”, explica Domingos, ao dizer que a primeira providência é informar o número do recibo do documento feito dentro do prazo. Para fazer a correção, o contribuinte deve usar o mesmo programa da primeira declaração, mas indicar que está fazendo uma retificadora. (NE10).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Horário de verão pode ser extinto este ano; governo quer ouvir sociedade

A adoção do horário de verão para gerar economia de energia no Brasil não se justifica mai…