Flamengo discorda de público pagante e não recolhe renda em Salgueiro

0

flamengo

Polêmica na despedida do Flamengo de Pernambuco. Mesmo com a vitória sobre o Salgueiro, por 2 a 0, na noite desta quarta-feira, que garantiu antecipadamente a classificação para terceira fase da Copa do Brasil, o Rubro-Negro deixou o estádio Cornélio de Barros insatisfeito. Isso porque não concordou com a público divulgado pelos donos da casa no momento da divisão da renda. Mesmo visualmente quase lotado, o borderô apontou 4.900 pagantes, o que revoltou os cariocas, uma vez que a carga foi de 12 mil ingressos. A renda não foi divulgada. A reportagem do GloboEsporte.com foi até a secretaria do estádio solicitar o valor exato, mas ouviu uma recusa dos responsáveis por tal informação. De acordo com o delegado Paulo Falcão, haverá uma recontagem do número de bilhetes.

Diante da insatisfação, o Flamengo não recolheu o valor que lhe é de direito – 60% por ter eliminado o segundo jogo – e fará uma reclamação formal na CBF contra o Salgueiro. Responsável por retirar o dinheiro, o chefe de segurança do Fla, Pinheiro, queria fazer um adendo na assinatura do borderô, informando que não concordava com o público apresentado, mas foi impedido pelo delegado da partida, Paulo Falcão. O episódio gerou uma pequena discussão. A entidade máxima do futebol brasileira será responsável por uma definição no caso.

Fonte: Globo Esporte

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Em Dormentes, prefeitura inaugura sede do CREAS com palestra e apresentação teatral

O Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS) de Dormentes, situado n…