Expovale 2015 pretende alcançar recorde de vendas em sua nona edição

0

expovaleA IX Exposição de Caprinos e Ovinos do Vale São Francisco (EXPOVALE), uma das maiores do Brasil e que tem inserido o município de Juazeiro e todo o Vale do São Francisco no cenário nacional, será realizada de 13 a 17 de maio, no campus da Universidade Federal do Vale do São Francisco(UNIVASF) em Juazeiro. O evento é uma realização através da Secretaria de Agricultura de Juazeiro, Pecuária e Abastecimento (SEAPA), da Associação dos Criadores de Caprinos e Ovinos do Sertão do São Francisco (ACCOSSF), da UNIVASF e do SEBRAE.

A Expovale já é conhecida nacionalmente como o grande encontro dos criadores de caprinos e ovinos do Nordeste, reunindo criadores, técnicos, profissionais, estudantes e empresas do ramo. “A realização do evento estimula e fortalece ainda mais a atividade agropecuária em diversos setores da cadeia produtiva, componentes necessários para o desenvolvimento sustentável do Vale, mostrando assim, que a caprinovinocultura no sertão nordestino é uma realidade de sucesso”, declarou o presidente da ACCOSSF, Rafael Sene.

O evento tem como objetivo reunir o maior número de produtores, empresários, pesquisadores e demais interessados para mostrar e discutir os potenciais avanços tecnológicos e de perspectiva de mercado para o setor pecuário de toda região. De acordo com o secretário de Agricultura, Jorge Cerqueira, “essa é uma oportunidade para os empresários da região estarem em contato com o que há de mais moderno em tecnologia, manejos, técnicas de comercialização, financiamentos e investimentos que se enquadram nas potencialidades da pecuária familiar e de produtores empresariais”, observou.

Segundo a organização do evento, a nona Expovale contará com 200 baias para abrigar cerca de 1500 animais. “A expectativa é que nessa edição alcancemos recorde de vendas, com a presença de criadores de todo país e da África do Sul. Vale destacar que os melhores expositores de cabras de leite estarão presentes no evento”, informou um dos coordenadores e técnico da SEAPA, Geraldo Araújo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Com saída de cubanos, dez cidades baianas ficarão sem nenhum médico na atenção básica

Dez cidades do interior baiano, com menos de 40 mil habitantes, ficarão sem nenhum médico …