Clássicos de Luiz Gonzaga e Dominguinhos marcam abertura da Estação do Forró, em Salgueiro

0

Cezza1

Às vésperas de São João, os festejos juninos abrilhantaram a cidade e área rural de Salgueiro com atrações para todos os gostos. Forró, xote, baião, galope entre outros ritmos deram o tom dos grandes e pequenos shows a exemplo dos grupos que fazem a linha pé de serra. Mas o ponto alto foi abertura da Estação do Forró que atraiu um público que em meio ao clima ameno, queriam esquentar a noite dançando as músicas todos os gêneros.

O palco de shows foi aberto no começo da noite pelo cantor Raphael Alencar que mandou brasa no seu estilo misturando dançante misturando as linhas do forró, sertanejo romântico e swingueira. Seu estilo atraiu bem a atenção do público jovem que gosta das animadas baladas que movimentam as festas no Norte e Nordeste.

Do seu repertório Raphael mandou ver nas canções  mais conhecidas de seu público a exemplo de  Toma danada,  Não vai acabar, Namorado Novo(Caninana), Ela é da gandaia, Nosso amor valeu, entre outras. O jovem artista se identificou com o público de Salgueiro e sertanejo. “Independente da proporção, cada show é uma alegria, uma festa e o público daqui já é conhecido por sua recepção”, comentou no camarim.

Depois de Raphael, outra grande atração da noite foi o sanfoneiro Cezzinha, talento jovem de Pernambuco que bebeu na escola de Dominguinhos e Luiz Gonzaga. Por outro lado, já se apresentou ao lado de outros nomes da MPB de gerações diferentes a exemplo de Elba Ramalho e Zeca Pagodinho.

Na estação do Forró, Cezzinha desfilou um repertório digno das raízes que fazem a verdadeira festa no Nordeste, a maioria canções clássicas de seus compositores prediletos.  Lembrou Luiz Gonzaga em Qui nem jiló, Forro no escuro, Deixa a tanga voar, Olha pro Céu e Nem se despediu de mim.

Dominguinhos e Nando Cordel, ele resgatou com Gostoso Demais, De volta pro Aconchego e Sete Meninas. Trouxe Jackson do Pandeiro pro forró com a clássica Chicletes com Banana e Mergulhou na obra de Sivuca, com Feira de Mangaio.

Cezzinha já é conhecido do grande público sertanejo e mostrou que festejos juninos se faz mesmo com o autêntico forró e sua poesia.  A animação de encerramento ficou a banda Forrozão Rei do Gado.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Ex-presidiário é assassinado a tiros em Salgueiro

Na manhã desta quinta-feira (21), por volta das 11h, um ex-presidiário foi morto por dispa…